Conceição do IbitipocaMinas GeraisPelo Brasil

Conceição de Ibitipoca – MG: Tudo que você precisa saber para visitar

ibitipoca-minas-gerais

Sabe aqueles lugares tranquilos onde você pode ficar bem relaxado em contato com a natureza, andando de chinelo, tomando banho de cachoeira, comendo comida gostosa e, o que é melhor, gastando pouco? Conceição de Ibitipoca é bem assim, e por causa disso é um dos nossos lugares favoritos para passear no Brasil.

Como temos visto que os leitores andam cada vez mais interessados em lugares para visitar que sejam baratos e relativamente perto de casa, decidimos fazer este post para contar tudo que vocês precisam saber para curtir muito essa delícia de cidadezinha mineira, que até agora é nossa favorita.

Como é Conceição de Ibitipoca

Com menos de dois mil habitantes, a vila de Conceição de Ibitipoca nem chega a ser uma cidade de verdade, mas sim um distrito do munícipio de Lima Duarte-MG, na zona da mata mineira. No entanto, por causa da sua proximidade do Parque Estadual do Ibitipoca, acabou ficando mais conhecida e atraindo centenas de turistas de todos os estados, interessados nas várias cachoeiras da região e no clima gostoso do interior, onde as pessoas são amigáveis e o tempo parece passar mais devagar.

A vila – que fica no meio das montanhas e por isso é cheia de subidas e descidas – tem apenas algumas ruazinhas com chão de paralelepípedo e poucos carros circulando. Cercada de árvores e com jardins bem cuidados, não tem prédios e o que se vê – além das fofíssimas igrejinhas tipicamente mineiras – são casas baixinhas e coloridas, muitas delas disponíveis para alugar por temporada ou transformadas em lojas de artesanato e restaurantes para os visitantes. A grande graça é o fato de que tudo ainda é bem simples por lá, sem nenhuma pretensão de ser chique ou descolado como as coisas de Paraty, por exemplo, o que também influi bastante – e muito positivamente – no preço e na atmosfera descontraída dos lugares. Você se sente muito bem vindo e a vontade que dá é a de nunca sair daquela calma para voltar para a confusão da cidade grande.

Ibitibeer cerveja artesanal Ibitipoca
Olha a gente lá experimentando a Ibitibeer, cerveja artesanal famosa da cidade
ruazinha-ibitipoca
As ruazinhas da vila são bem calmas e rústicas, e é muito bom passear por elas sem pressa
igrejinha Ibitipoca minas gerais
As igrejinhas tipicamente mineiras são uma graça também

O Parque Estadual do Ibitipoca

A grande estrela de Ibitipoca é mesmo o Parque Estadual do Ibitipoca, que fica a 3km de distância da vila. Situado em uma altitude média de 1.500m e fundado em 1973, aberto para o público diariamente das 7h às 18h, o parque impressiona pela infraestrutura, com trilhas muito bem sinalizadas e cuidadas, limpeza impecável e muita informação disponível no centro de visitantes e na portaria. Isso sem falar, claro, nas atrações principais: as cachoeiras deslumbrantes com água muito limpa e cor de coca-cola, as piscinas naturais, grutas e cavernas enormes, mirantes e picos para quem tiver disposição de fazer trilhas mais longas.

Por falar em trilhas, são três as que levam às principais atrações do parque:

1) Roteiro das águas

Essa pode ser considerada a trilha mais básica do parque, e a que você precisa fazer para conhecer as principais atrações. São 5km de extensão passando por cachoeiras, piscinas naturais, paredões rochosos e grutas incríveis. Fácil de fazer e sem muitas subidas, pode ser encarada por pessoas de qualquer idade que tenham um pouquinho de disposição e gosto por andar no mato.

No circuito das águas, dá para ir passeando ao longo do rio e parando nos lugares que achar mais legais
No circuito das águas dá para ir passeando ao longo do rio e parando nos lugares que achar mais legais…
Lago das Miragens Ibitipoca Viajadora
… como o Lago das Miragens, nosso preferido!

2) Janela do Céu

São 16km totais de trilha de dificuldade nível médio, com bastante subida e duração de cerca de 3h para ir e umas 2,5h para voltar. Um esforço que vale cada gota de suor que pingar da sua testa: a vista da Janela do Céu, uma cachoeira muito alta emoldurada por uma formação vegetal que fazem mesmo parecer uma janela mágica, é simplesmente sensacional. E o melhor é que essa nem é a única razão para fazer o trajeto, porque tem muitas grutas, paisagens e outras vistas lindas pelo caminho.

trilha-janela-do-ceu-ibitipoca
Um pedaço da trilha (bem comprida) para a Janela do Céu
gruta-caminho-janela-do-céu
Uma das grutas bem bonitas do caminho
janela-do-céu-ibitipoca
E a Janela do Céu, de onde se tem uma vista sensacional para as montanhas. Um dos lugares mais bonitos que já visitei!

3) Pico do Pião

São 5,5 km de trilha de nível médio de dificuldade, com bastante subida para chegar até o Pico do Pião, de onde se tem uma vista linda das montanhas mineiras.

Temos um post completo aqui no blog com mais informações, fotos e detalhes sobre o parque. Quem quiser saber mais, é só entrar neste link aqui para o post  “Conhecendo o Parque Estadual do Ibitipoca”.

O que mais tem para fazer na vila

Além das cachoeiras do parque, tem várias outras nos arredores da vila, muitas delas em propriedades particulares para as quais os donos cobram entrada. Algumas valem a pena, outras não, o legal é se informar na vila sobre os melhores lugares para ir e se estarão abertos na época em que você for.

Mas como nem só de cachoeira vive Ibitipoca, fizemos uma seleção de outras coisas legais para fazer por lá:

Comer

Claro que essa atividade tinha de estar no topo da nossa lista. Como toda boa cidadezinha mineira que se preze, Ibitipoca é cheia de barzinhos e restaurantes onde é possível comer tutu, canjiquinha, torresmo e outras delícias mineiras que fazem minhas artérias entupirem meu coração doer de saudade quando lembro. Comemos tanto por lá que até fizemos uma lista com os melhores lugares onde comer bem (e barato!) em Ibitipoca. Pode conferir que tem todas as boas!

pão-de-queijo-ibitipoca
Tem pã-di-quei por R$1 e várias outras gostosuras!

Beber e ouvir rock e blues

Ibitipoca tem fama de ser um bom lugar para ouvir rock e blues, e inclusive é muito conhecida pelo Festival Ibitipoca Blues (ou Ibitiblues, para os íntimos), que acontece há mais de 15 anos na vila, sempre em agosto. Mas você não precisa ir durante o festival para curtir música boa por lá, não: a maioria dos bares de lá tem o rock e o blues como trilha sonora o ano inteiro. Nas épocas de feriado e férias, quando a vila está mais cheia, costuma ter até palco com show ao vivo no bar Ibitilua, que é “A Opção” de noitada muito legal na cidade, com várias mesinhas ao ar livre e bebida boa a preços dignos.

Nosso bar favorito por lá, no entanto, foi mesmo o Bar do Firma (todas as informações neste link), um bar de rock muito louco que mais parece um velho navio pirata encalhado no meio do mato. Lá tem muita comida boa e garrafas de cachaça que descem do teto, você definitivamente precisa visitar para dizer que conheceu as principais atrações de Ibitipoca.

bar-do-firma-ibitipoca

Tomar cerveja artesanal

Para quem é de cerveja, vale a pena provar a Ibit Beer, cerveja artesanal feita na vila. São seis sabores que provamos, comprovamos, provamos de novo e recomendamos demais. Você encontra para vender na lojinha de artesanato próxima do Ibitilua por R$ 10 (preço de 2014).

ibitibeer cerveja de ibitipoca

Passear nas lojinhas

As lojas de artesanato de Ibitipoca vendem desde esculturas de madeira até artigos exotéricos, bijuterias, roupas e artesanatos de costura que fiquei doida para comprar, como colchas e almofadas. Dar uma olhada nelas é uma ótima opção para o entardecer depois de ir ao parque ou se estiver chovendo.

Quando ir 

A melhor época para curtir o parque e as trilhas é, claro, no verão, quando faz bastante calor por lá e é ótimo mergulhar na água geladinha das cachoeiras. No inverno faz um friozinho e é quando acontecem os festivais de música, com o Ibitipoca Jazz Festival em julho e o Ibitipoca Blues em agosto. Nesses períodos a vila fica bem cheia e a atração principal deixa de ser o parque e se torna a música e o pessoal bem interessante que aparece por lá.

É bom lembrar que na baixa estação, durante a semana e fora dos feriados e da época de festivais a vila fica bem vazia, com boa parte das lojinhas e alguns restaurantes fechados. Se isso te incomodar é bom planejar a sua viagem em períodos em que a vila fique mais animada. (Meus pais foram durante a semana em março deste ano e pegaram a vila vazia e com quase tudo fechado por lá, então achei bom avisar aqui).

Onde ficar em Ibitipoca

Opções de hospedagem em Conceição de Ibitipoca não faltam, independente de quanto você quiser ou puder gastar. Para quem estiver indo com grupo de amigos e quiser economizar, a melhor opção é alugar uma casa, de preferência com quintal e churrasqueira para fazer uma farra. Nós ficamos na Casa do Gavião  e adoramos, sempre recomendamos para quem pede dicas.

Outra ótima pedida para quem quer economizar e curte estar perto da natureza é acampar, já que a cidade tem várias opções de campings legais e bem localizados. O Ibitilua (junto ao bar homônimo) é o mais bem localizado, bem no centro da vila. Mas ele é também o camping da galerinha xóvem que quer beber, se divertir e fazer barulho amizades, então se não curte isso é bom procurar outro lugar. O camping mais bonitinho e família é o Reserva Canto da Vida, que fica mais próximo do parque, tem ótima infraestrutura e é bem concorrido, devendo ser reservado com mais antecedência. Mas existem várias outras opções decentes na vila e nos arredores também, como o camping Tô em Casa, o Céu de Estrelas e vários outros. E isso sem falar no próprio camping do Parque Estadual do Ibitipoca , para quem quiser ficar bem lá dentro mesmo.

Já as pousadas e hotéis são muitos, para agradar qualquer orçamento e grau de exigência. Você pode dar uma olhada na lista de hotéis e pousadas em Ibitipoca e escolher o que estiver mais no seu gosto.

caa do gaviao ibiipoca mg rede horta
Alugar uma casinha com quintal, horta, redes e churrasqueira é uma ótima pra quem vai para Ibitipoca com um grupo de amigos

Um detalhe fundamental na hora de escolher onde ficar em Ibitipoca é considerar se você quer ficar perto da vila e do agito ou se não se incomoda de ficar nos arredores e pegar o carro para sair à noite por lá. É interessante saber que não dá muito para andar fora da vila à noite… nós ficamos a 1km de distância, algo que poderíamos facilmente fazer a pé, mas a estrada ficava num breu absoluto, então era preciso mesmo ir de carro (ou de lanterna, para os mais corajosos).

Como chegar em Conceição do Ibitipoca

Conceição de Ibitipoca fica bem pertinho de Juiz de Fora, e para quem vai do Rio de Janeiro são só 260km de distância, percorridos em umas 4 horas de viagem. De carro é bem fácil, só pegar a BR040 e seguir as placas toda vida até chegar a Juiz de Fora. Nesse ponto você não entra na cidade, e sim segue a placa indicando Lima Duarte, onde você vai pegar a estrada de chão para a vila de Ibitipoca. A meia hora de estrada de chão até lá, aliás, é bem nervosinha, com trechos íngremes de subida e muitas pedras que castigam a suspensão. Com carro 1.0 dá para chegar – e chegamos -, mas o bichinho vai fazer um belo esforço (mas carro é pra isso afinal, né?).

Quem vai de ônibus tem de pegar um busão até Juiz de Fora, depois outro até Lima Duarte e mais outro até Conceição de Ibitipoca. E lá da vila pode pegar uma das vans que levam até o parque.

No site oficial do turismo em Ibitipoca tem informações completas sobre a distância das principais cidades brasileiras até a vila e como chegar de ônibus.

*Ah, um bom lembrete para quem vai de carro é o de que não tem posto de gasolina na vila, então é legal encher o tanque em Lima Duarte para não correr o risco de ficar sem combustível em Ibitipoca.

entrada de conceição de ibitipoca mg

O que levar na viagem

A vila tem mercadinhos onde é possível comprar itens de higiene pessoal e comidas e bebidas básicas, mas se quiser alguma coisa mais sofisticada – como, sei lá, whisky 18 anos ou macarrão de arroz orgânico sem glúten – é bom levar, claro.

É legal levar os artigos básicos de trilha (bota, mochila, garrafa), boné, filtro solar e óculos escuros (o sol lá castiga mesmo no verão), e roupas simples e descontraídas, já que você não vai precisar fazer uma super produção para ir a lugar nenhum lá. E nada de salto alto, ok? Chinelo, sandália rasteirinha e tênis já são mais do que suficientes para ficar subindo, descendo e andando naquelas ruas de pedra. Ah, e lá no inverno faz um friozinho (podendo chegar até a uns 6°C de noite!), então é bom levar umas roupas mais quentes. No verão um casaquinho leve para talvez usar de noite.

E o mais importante: leve dinheiro vivo. Nem todos os lugares da vila aceitam cartão e não tem banco por lá. Em Lima Duarte só tem agências do Bradesco, Banco do Brasil e Caixa Econômica, e nada de caixa eletrônico 24h, então vá preparado e curta muito o seu tempo em um dos lugares mais gostosos de Minas Gerais.


Confira nossos outros posts sobre Ibitipoca:

Conhecendo o Parque Estadual do Ibitipoca

Onde comer bem (e barato!) em Ibitipoca – MG

Bar do Firma: o mais legal do mundo (ou quase isso)

Onde ficar em Ibitipoca: Casa do Gavião


Comentários

Tags:

26 comentários

  1. […] Conceição de Ibitipoca – MG: Tudo que você precisa saber para visitar […]

  2. […] Conceição de Ibitipoca: tudo o que você precisa saber para conhecer […]

  3. […] Conceição de Ibitipoca: tudo o que você precisa saber para visitar […]

  4. […] Conceição de Ibitipoca: tudo o que você precisa saber para visitar […]

  5. […] Conceição de Ibitipoca: tudo o que você precisa saber para visitar […]

  6. Avatar

    Olá! estava procurando relatos de ibiti e achei seu blog! achei mto boa as dicas..
    vou pra lá no feriado de 7 de setembro e queria saber se pra fazer as trilhas precisa daquelas botas de trekking ou se tenis ou chinelo ja sao suficientes!

    Obrigada

    1. Avatar

      Oi, Talita!

      Eu fiz todas as trilhas de Ibitipoca de chinelo mesmo. Acredito que dá para fazer tudo perfeitamente de chinelo ou tênis normal, não precisa levar bota especial para trekking se não quiser.

      Beijos

  7. Avatar

    ja estive visitando ai em Ibitipoca lugar encrível pretendo voltar logo bar do pima muito louco gostei de conhecer.

    1. Avatar

      Oi, Damiao! Ibitipoca é bom demaaaais mesmo!! 🙂

  8. Avatar

    Olá, adorei sua postagem, muito completa! Ajudou bastante!

    1. Mariana Yusim

      Oi, Mariana,
      Que bom que o post ajudou, ficamos felizes. 🙂 Ibitipoca é uma delícia, né? Beijos! :*

  9. Avatar

    Ibiti é de fato um sonho um lugar incrível. Suas águas geladas e suas paisagens fazem da região um lugar sublime. Adorei conhecer. Fui com a namorada e amigos. Foi tudo muito bom.

  10. Avatar

    Adorei o post!!! Estou planejando uma viagem para Ibitipoca e essas informações vão me ajudar demais. Obrigada!!!

    1. Mariana Yusim

      Que bom que o post te ajudou, Vivi! Ibitipoca é demais! <3 🙂

  11. Avatar

    Olá ! tenho uma dúvida, os passeios devem ser acompanhados de guia ou da pra fazer por conta?
    Obrigada

    1. Mariana Yusim

      Oi, Nathalia,
      As trilhas que fizemos não precisam de guia não. No parque pelo menos é tudo bem sinalizadinho, não acho que vocês tenham qualquer problema. 🙂 Beijos!

  12. Avatar

    Adorei. Estou louca para conhecer.

    1. Mariana Yusim

      A gente está doida pra voltar, Simone. Ibitipoca é tudo de bom. 🙂 Beijos!

  13. Avatar

    Maio é um bom período para ir? ? Quero ir no meu aniversário. Semana de 8 a 12
    .

    1. Mariana Yusim

      Oi, Márcia,
      Maio é uma época boa sim. Entre abril e setembro é quando chove menos por lá. Talvez as cachoeiras não estejam tão cheias, mas a probabilidade do tempo estar bom é maior.
      Beijos e boa viagem!

  14. Avatar

    ADOREI!!! suas dicas serão de grande valia. estou indo agora em novembro. espero conseguir conhecer tudooooo por lá!!! obrigada pela ajuda 😉

    1. Mariana Yusim

      Que bom que as dicas te ajudaram, Ellen! Aproveite bem a delícia que é Ibitipoca! Bjs! :*

  15. Avatar

    Olá, td bem? Há algum tempo quero cinhecer Ibitipoca. Amo Minas Gerais. Conheci Tiradentes e gostei bastante mas acho que ficou muito urbanizado. As pousadas são caras? Tem alguma dica? Bj

    1. Mariana Yusim

      Olá Rosana,
      Fizemos este post contando sobre a casa que alugamos e adoramos: https://www.viajadora.com/onde-ficar-em-ibitipoca-casa-do-gaviao/
      De qualquer maneira existem também pousadas. Dá uma olhadinha no Booking!
      Bjs e boa viagem!

  16. Avatar

    Amei essa reportagem! As imagens são maravilhosas. Foi um exemplo para eu produzir meu texto de Ensaio Fotográfico de Jornalismo, pela forma que você fez. Eu amei. Obrigada pela ajuda.

    1. Mariana Yusim

      Que legal saber que ajudamos, Raíssa! :))) Volte sempre!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *