Ilhas Gili: uma semana de alegria na Indonésia!

Ilhas Gili: uma semana de alegria na Indonésia!

A ideia que muita gente tem de Bali – e eu tinha também – é a de um paraíso de sossego e praias estonteantes, cheio de lugares tranquilos para curtir o sol e o mar com um drink na mão e um reggae bem suave ao fundo. Mas quando se chega lá, a realidade é bem diferente: a principal região turística de Bali, Kuta, virou um lugar cheio de lojas de marca, boates, restaurantes caros e grandes hotéis. É inegavelmente um lugar (muito) divertido ainda, mas longe do paraíso que muita gente procura quando viaja para o Sudeste Asiático. Esse paraíso idílico, na verdade, fica a duas horas de distância de barco de lá, em um arquipélago chamado ilhas Gili.

Ficamos sabendo de Gili quando, já em Bali, fuçávamos o guia Lonely Planet em busca de praias mais tranquilas. Gostamos tanto da descrição de lá que já no dia seguinte embarcamos em direção a uma semana de muita praia e festa na ilha de Gili Trawangan, uma das melhores decisões que já tomei em uma viagem.

Indonésia: As Ilhas Gili

As ilhas Gili  são três pedacinhos de terra minúsculos pertencentes a Lombok, uma ilha maior perto de Bali. Cada ilhazinha tem uma personalidade, por assim dizer:

As ilhas Gili vistas de cima

As 3 Gili vistas de cima (fonte: gili-paradise.com)

Gili Trawangan

Com uma população de cerca de mil pessoas, é a maior e mais estruturada das três, com muitas escolas de mergulho, mais opções de lugares para ficar e uma vida noturna bem agitada. Trata-se de uma ilha tão grande, mas tão grande, que dá para dar a volta nela toda em apenas duas horas a pé. haha

Ilhas Gili Trawangan

Água muito clarinha (foto: panoramio.com)

Pôr do Sol em Ilhas Gili Trawanam

Pôr do Sol em Gili Trawanam (foto: copipanas.com)

Gili Meno

É a menor das três ilhas Gili, a mais intocada e com menos opções de lugares para ficar e comer, razão pela qual é melhor só visitar, em vez de se hospedar lá.

Gili Air, vista de Ilhas Gili Meno

Gili Air, vista de Gili Meno (foto: panoramio.com)

Gili Air

Das ilhas Gili, é a intermediária, não tão “grande” e “populosa” quanto a Trawangan, mas não tão pequena e vazia quanto a Meno, com várias opções de pousadas e restaurantes, mas sem o agito de Trawangan. Ideal para casais em busca de romance e tranquilidade.

A tranquilidade de Ilhas Gili Air

A tranquilidade de Gili Air (foto: liburanmurahlombok.com)

A nossa experiência nas ilhas Gili

Como éramos três amigos em busca de agito, decidimos ficar em Gili Trawangan. E que escolha acertada! A ilha é o máximo: nada de carros nem aquela confusão de motos típica da Ásia, cheias de barzinhos legais, festas animadas e muita comida boa. Fomos para lá de barco desde Bali e, logo que desembarcamos, ficamos maravilhados com a água azul turquesa igual àquelas que a gente vê nos protetores de tela do Windows, sabe? O guia não estava exagerando com todos aqueles elogios. Saímos andando em busca de um lugar para ficar e o Daniel, já meio vesgo depois de uma troca de olhares com um menina que passou por nós, manda essa: “Nossa, é o paraíso… praias perfeitas, tudo barato e um monte de loira de olho azul me dando mole, quero ver quem me tira daqui”. hahaha

A água do mar da Indonésia e as Ilhas Gili parece uma piscina  Viajadora

É piscina isso? A água é tão transparente e morninha nas ilhas Gili que nem parece mar!

E ele estava certo: gostamos tanto da ilha que acabamos ficando uma semana lá, bem mais tempo do que tínhamos planejado. Escolhemos uma pousadinha barata em uma rua logo atrás da praia, bem confortável e com um chuveiro ao ar livre sensacional. De lá, podíamos ir andando e chegar em menos de 3 minutos aos principais bares e restaurantes.  Passávamos o dia de roupa de banho e chinelo de dedo, revezando entre mergulhar no mar morno (morno mesmo, tipo o nordeste brasileiro no verão), andar pra lá e pra cá pela ruazinha principal vendo o movimento e comer a comida deliciosa e barata dos restaurantes da ilha, em sua maioria frutos do mar recém-pescados. Nada mau, né? Para descansar de toda essa atividade estressante, horas e horas de relaxamento no Café Gili, um café na beira da praia cheio de pufes e poltronas muito confortáveis aonde todo mundo ia para ver gente e usar a internet wifi, artigo raro na ilha.

Bares e barras nas praias das Ilhas Gili Viajadora

As praias têm vários bares e barracas muito confortáveis para ficar, com bangalôs e comidas de primeira

Amigos nas Ilhas Gili Trawangan Viajadora Indonésia

Mas quem preferir também pode ficar esparramado nas cangas, como a maioria do pessoal :)

Thaís Freitas no Mar em Ilhas Gili Trawangan Indonesia Viajadora

Toda feliz aproveitando a água muito morninha e tranquila

O que fazer em Gili Trawangan

Além da exaustiva tarefa de aproveitar o mar e ficar à toa só aproveitando o clima tranquilo da ilha e observando as pessoas que não param de chegar e partir, recomendamos as seguintes atividades na ilha:

Alugar uma bicicleta

Alguns lugares na ruazinha principal alugam bicicletas por um preço bem barato, por isso uma atividade imperdível por lá é alugar uma e pedalar em torno da ilha toda (leva cerca de uma hora), parando nos muitos pontos de praia lindos para mergulhar e fotografar.

Tour de barco pelas outras ilhas Gili

Várias agências oferecem passeios de barco para conhecer as ilhas Gili Meno e Gili Air, e fazer esse tour é praticamente uma obrigação, porque as outras gilizinhas também são lindas demais. Isso sem falar no fato de que esses passeios de um dia também têm ótimas paradas para mergulho com snorkel e pé-de-pato, fornecidos pela agência.

Barco em Ilhas Gili Islands Indonésia

Nosso barquinho para o tour pelas ilhas…

Barco em ilhas gili islands com fundo de vidro viajadora indonésia

Tinha um fundo de vidro muito legal que dava para ver todos os corais e bichos do mar passando

Mergulhar com cilindro

O mar nos arredores das Gili Islands é mundialmente famoso por suas águas muito claras e os recifes de corais cheios de arraias, tartarugas e tubarões, um ambiente perfeito para mergulho com cilindro, com visibilidade de até 20m. Se você tem curiosidade para começar a mergulhar, lá é o lugar ideal, com muitas agências de mergulho e preços bem acessíveis.

Aproveitar a noitada

São vários os bares em Gili Trawangan e todos eles têm festas e shows com muita gente, música alta e drinks baratos. Para quem gosta, é o ideal! Vale ir andando de um bar para o outro até achar um que goste, já que os ambientes variam desde bares com shows de reggae tranquilos até ambientes de boate com música eletrônica.

Bar de reggae em Gili Trawangan Indonesia Ilhas Gili Islands Viajadora

O bar de reggae era noso favorito por lá! Na foto, os amigos belgas que conhecemos na ilha, Annelies e Roeland

Comer muito!

É tanto restaurante e todos com preços tão decentes, que comer acaba virando uma parte importante da viagem (pelo menos para nós! haha). Tem opções para todos os gostos, como massas e até comida mexicana, mas as grandes estrelas são mesmo os frutos do mar bem fresquinhos. Eles ficam expostos em uma vitrine na frente dos restaurantes e você escolhe qual quer comer e como deseja que eles sejam feitos. Uma delícia!

peixe frito em restaurante das ilhas Gili Viajadora

Um dos peixes escolhidos e preparados na hora… o gosto é bem melhor que a cara, juro! haha Esse aí em especial estava uma delícia

Nasi goreng gili cafe ilhas gili islands viajadora

O Nasi goreng, um dos pratos típicos da Indonésia, do Gili Cafe é bom demais! (adoro isso de eles botarem um ovo frito em cima de tudo lá haha)

Visitar o Night Market

E por falar em comer, o Night Market, que acontece todos os dias perto do píer de Gili Trawangan, é uma experiência imperdível. São várias barraquinhas vendendo comidas típicas bem baratas, como espetinhos de frango, camarão e carne acompanhados de arroz, tofu, molho de amendoim e outras iguarias típicas da região. Vale muito a pena se aventurar por lá!

Tomar chá gelado e aproveitar o wifi do Cafe Gili

O melhor lugar para ver gente, relaxar e botar as notícias em dia na internet. Todo mundo gosta e por isso está sempre cheio.

Gili Cafe ilhas Gili Trawangan Indonesia Viajadora

Todo mundo vai para o Cafe Gili ler e relaxar… ou pelo menos tentar, quando tem alguém cutucando o seu ouvido haha

Aulas de yoga

Se você gosta de acordar cedo e aproveitar o sol da manhã para atividades mais tranquilas, fazer aula de yoga é um programa imperdível, que pode ser combinado em alguma das agências e hotéis da ilha.

Como chegar nas ilhas Gili

A melhor forma de chegar em Gili Trawangan é pegando um barco rápido desde Bali. Nós compramos nossos tíquetes em uma agência de rua em Kuta, mas você também pode comprar com antecedência em sites como o do Manta Dive .

Os tíquetes incluem o trajeto de van de Kuta até Padang Bai, onde fica o píer de onde saem os barcos, e custam cerca de U$ 70 o trecho. A viagem dura umas duas horas e deixa o pessoal no píer de Gili Trawangan, de onde é possível embarcar em outra viagenzinha até Gili Air ou Gili Meno.

No barco para ilhas gili trawangan viajadora

No barco rápido indo para Gili Trawangan… a viagem dura cerca de duas horas e o mar pode estar bem revolto dependendo do dia

O que você precisa saber antes de ir para as ilhas Gili

– A temperatura média da Indonésia fica entre 25 e 30°C o ano inteiro. O período de novembro a abril é o das monções, com chuvas constantes. Nós fomos no início de março e realmente chove bastante, mas nada que impeça de aproveitar as praias. As chuvas são como as nossas chuvas de verão, tempestades que duram uma ou duas horas, depois o tempo abre de novo. Tem poucas coisas que eu goste tanto quanto tomar banho de chuva na praia, então isso não foi um problema. O único empecilho é que alguns passeios de barco foram adiados devido à questão do tempo, mas como ficamos uma semana lá, não chegou a atrapalhar. Se pegar chuva vai ser um problema para você, não vá nesse período, porque chove mesmo.

Homem na praia com chuva nas Ilhas Gili Indonésia Viajadora

– As ilhas ainda são bem rústicas e não têm nascentes de água. É muito caro levar água doce em grandes quantidades para lá, por isso a água dos chuveiros de quase todas as pousadas e hotéis é salgada. A do nosso chuveiro era salgada e meu cabelo virou um sebo inacreditável durante a semana que fiquei lá, o pente mal entrava  e virei praticamente o Bob Marley. haha Mas eu  estava tomando banho ao ar livre, sob as estrelas em um paraíso de águas azuis turquesas, então isso não teve a menor importância, até porque ficava de biquíni e descabelada o tempo inteiro mesmo, como todo mundo lá, então ninguém repara. Mas se você for fresco se importar, alguns hotéis mais chiquezinhos e caros deixam tinas de água doce para os hóspedes tirarem o sal após o banho.

– A ilha tem lojinhas de coisas básicas como mercadinhos, artesanato e farmácia com alguns itens, mas nada muito elaborado. Se precisa de algo mais difícil de achar, lembre-se de levar com você de Bali.

– Para quem achou o valor do barco rápido até as ilhas caro, é bom saber que lá é tudo bem barato e acessível. Um prato de comida pode custar menos de U$ 2 e uma pousadinha decente como a nossa, com ventilador e banheiro privativo, uns U$ 15. Tudo vai depender da sua boa vontade e do grau de luxo e conforto que deseja, mas não é nem de longe uma viagem cara.


-> Confira Hotéis e Pousadas em Gili Trawangan clicando aqui.

-> Confira Hotéis e Pousadas em Gili Air clicando aqui.

-> Confira Hotéis e Pousadas em Gili Meno clicando aqui.


* Foto de destaque do post: http://www.bluezzz.nl/


 

Leia também:

Comentários

15 comments

  1. Thaís Freitas
    Autor
    Thaís Freitas

    Oi, Márcia! Que bom que gostou do post! :)
    Essa viagem foi decidida de ultima hora, então compramos as passagens do barco em uma agência de rua em Bali e escolhemos onde ficar quando chegamos na ilha, de pessoas que estavam oferecendo na hora. Lá é bem tranquilo de viajar no improviso, não tive problema nenhum e foi ótimo. Não costumo viajar com agências, pra te falar a verdade nem sei se tem agências que organizam viagens pras Gili Islands, mas se você quiser ir por conta própria é bem simples.
    Qualquer outra dúvida é só perguntar!
    Beijos

  2. Monica

    Thais!!!!!!! Que praia linda, que fotos maravilhosas!!!!!!!! Realmente vendo uma matéria dessas dá vontade de fazer as malas e ir correndo!!!!! Adorei 😀

  3. julliana

    Adorei o post. estou planejando minha viagem a Bali, e coloquei no roteiro de passar 2 a 3 dias por lá por causa desse post lindo. Acha que vale a pena eu engrandecer a viagem em 3 dias para ficar por lá? Vou em Setembro de 2016.
    Obrigada por dividir todas as dicas ! Beijos

  4. Thaís Freitas
    Autor
    Thaís Freitas

    Oi, Julliana!

    Com certeza, acho que se você pode aumentar um pouquinho a duração da sua viagem para ir nas Ilhas Gili, deve fazer isso sim. É um estilo de lugar diferente de Bali, fácil de chegar e muito bonito, a cor da água é uma lindeza e o clima lá é muito bom, eu amei!! E o bom é que setembro ainda não é época de monções (na Indonésia elas vão de outubro a março), então você deve pegar um clima bem bom. Vai na fé e aproveita bastante, as Ilhas Gili são uma delícia!

    Beijos

  5. Evandro Rubio

    Estive em abril/2015 (32 dias na Tailândia) e abril de 2016 estarei Filipinas, e agora neste lugar lindo, brigado pelo post!!! Perfeito!!

  6. Fernanda

    Olá Thais, tudo bem???
    Adorei o post.. Estava com algumas dúvidas sobre as ilhas que agora ficaram esclarecidas.
    Queria sua opinião. Estou indo para a Indonesia em fevereiro/2016 e gostaria de saber se as chuvas vão atrapalhar minha viagem a ponto de eu não conseguir aproveitar a ilha???

    1. Thaís Freitas
      Autor
      Thaís Freitas

      Oi, Fernanda!

      Se sua viagem acontecer durante a época de monções, pode ter certeza que vai chover todo dia. Mas se vai atrapalhar a sua viagem, aí já depende do seu estado de espírito e jeito de encarar as coisas. Choveu bastante quando eu fui e eu aproveitei ao ponto de ficar morrendo de saudade quando fui embora! haha Mas se você não quiser pegar chuva mesmo, é melhor ir fora da época de monções pra garantir.

      Beijo e boa viagem, curta bastante! :*

      1. Fernanda

        Oi Thais,
        Obrigada pela resposta. Eu estava um pouco apreensiva porque todas as vezes que fui a Ásia nunca peguei um dia de chuva e não sei como são as chuvas lá, mas com sua resposta já fico mais tranquila de ir. Fiquei muito mais animada de ir as ilhas Gili depois que vi seu post. Deve ser um lugar incrível!!!

        Obrigada mais uma vez pelas dicas.
        Bjo

        1. Camilla

          Olá Fernanda!
          Como foi sua época de chuva na Indonésia? Estou super apreensiva pois vou em dezembro/janeiro 2017 e será bem na época das monções… Acontece que na Tailândia, Mianmar e Camboja esses períodos são o oposto da Indonésia e meu marido quer inclui- lá.

          1. Fernanda

            Oi Camila, tudo bem? Eu fui para Indonésia em
            Fevereiro e só peguei chuva no primeiro dia que cheguei às Ilhas Gili. No dia seguinte o sol já abriu e consegui aproveitar aquele paraíso. Só uma dica, não esqueça de levar repelente e passe muito pq na ilha tem mto pernilongo e eu peguei dengue lá. Não foi mto legal rsrs. Fora isso foi tudo perfeito. Boa viagem e tenho certeza que você vai amar sua viagem pq esses lugares são incríveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>