Como tirar foto de passaporte de bebê em casa

Como tirar foto de passaporte de bebê em casa

Como uma boa viciada em viagens, desde que o Miguel chegou não paro de planejar onde posso levá-lo e tudo o que tem de mundo pra passear com ele. Nos próximos meses, se tudo der certo, vamos embarcar para o exterior com ele e, por isso, já providenciamos o passaporte do pequeno. Estou preparando um post com todos os detalhes sobre o que é preciso para tirar o passaporte de um bebê, e, enquanto isso, este post vai para quem também está passando pela mesma situação e que está achando difícil encontrar um lugar que tire foto 5×7 de bebês tão pequenos. Resolvi fazer a do Miguel em casa mesmo e confesso que foi mais difícil que parir um tanto quanto engraçado. Mas no fim deu certo, e aqui vou contar como foi para quem também estiver passando pela mesma situação.

Como deve ser a foto 5×7 do passaporte

Como um documento oficial internacional, que tem o objetivo de correr de país em país, existem alguns critérios que a foto do passaporte precisa obedecer. Isso com um adulto pode ser super simples, mas com um bebêzinho que não sossega quieto, pode ser um desafio e tanto. A situação piora se ele não consegue sentar sozinho ainda, como era o caso do Miguel, de 2 meses e meio. A maioria dos lugares que realiza este serviço tem tudo preparado para um adulto colocar a criança sentada no colo, coisa que não é possível para um serzinho que não controla o peso da própria cabeça.

Caso você não tenha escolha e resolva fazer a foto em casa, como eu, deve ficar atento aos requisitos que a foto deve ter para que seja aceita:

  • O fundo deve ser branco;
  • O bebê deve estar de olhos abertos com rosto centralizado e olhando para a câmera, de preferência com as duas orelhas visíveis;
  • A expressão deve ser neutra, sem sorrir, sem fazer cara de mau, sem fazer graça, sem chorar;
  • Não pode ter sombra atrás da cabeça;
  • Os cabelos não podem cobrir os olhos;
  • Se o bebê ou criança usa óculos, pode usar na foto, mas a armação não pode cobrir os olhos e não pode ter reflexo na lente;
  • O bebê não pode usar nada na cabeça, nem laço, nem chapéu, boné, nem nada.

Normalmente a Polícia Federal tem certa flexibilidade e entende a dificuldade de tirar este tipo de foto de bebês/crianças. A foto do Miguel foi sorrindo e eles aceitaram. Também já vi casos de bebês bem pequenininhos com foto de passaporte de olhos fechados, dormindo. Um ponto que eles não são muito flexíveis e ao qual deve-se prestar atenção é quanto ao fundo branco. Ele deve ser branco mesmo. Nem cinza, nem bege. Bem branco.  

Tirando a foto de passaporte de bebê

Para tirar a foto é fundamental que você conte com a ajuda de mais alguém, para ajudar a controlar a fera, a fazer mímicas malucas e fazer todas as vozes do mundo que chamem a atenção para a câmera. Além de um ajudante, você vai precisar de:

  • Um fundo branco. Pode ser um lençol, um cueiro, ou alguma superfície que faça a vez do fundo branco;
  • Um ambiente bem iluminado. Pode ser com luz natural ou artificial, mas é importante que a foto esteja bem clara. Com atenção ao fato de que não se pode ter sombras;
  • Brinquedinhos para chamar a atenção do bebê;
  • Uma câmera de alta resolução;
  • Uma roupinha colorida, que se destaque bem do fundo branco.

Escolha um momento do dia que o bebê esteja bem disposto e humorado, ou seja, alimentado e descansado, para diminuir as chances de ele ficar nervoso e chorar. Depois, vá para o ambiente escolhido e bem iluminado e estenda o lençol branco, onde o bebê deve deitar. É importante que não se tenham dobras e que o fundo fique bem liso. Aqui escolhemos a cama, que é perto da janela, mas pode ser no chão sem problemas, ou onde for mais iluminado. Se você tiver luz artificial, também vale usar. Lembre-se de não usar flash, já que a luz direta produz sombras que não serão aprovadas pela Polícia Federal.

Com o bebê a postos, começa a parte cansativa divertida. Enquanto uma pessoa tira as fotos, a outra fica revezando entre ajeitar a cabeça, abaixar os braços, balançar o brinquedinho e fazer de tudo para que o bebê consiga olhar para a câmera com a expressão neutra, a cabeça centralizada, olhos abertos e expressão neutra. Parece difícil? E é! Mas posso garantir que vai render boas risadas, além de ótimas fotos. Que não serão aproveitadas, é claro, mas que servirão de registro do momento com várias caretas e expressões nada neutras. Por aqui o Miguel estava bem animadinho nos dois dias que tentamos tirar as fotos e nada o fazia abaixar os braços ou ficar com cabeça reta, e muito menos tudo ao mesmo tempo. Foi aí que resolvemos o problema dos braços com um cueiro, enrolando-o como um charutinho, com os braços bem presinhos. Livres do problema dos braços, as coisas ficam bem mais fáceis. É só administrar a expressão para que o bebê não saia com uma do tipo “socorro, preciso conseguir soltar os meus braços”. Hahaha Brincadeiras à parte, com tudo isso feito, é só seguir tirando as fotos, até que alguma possa ser aproveitada. Por aqui tentamos em dois dias para conseguir duas fotos aproveitáveis. O menino é agitado!

bebe na cama foto passaporte

O nosso local da foto, com o bebê já na camisa de força (mesmo assim as perninhas estavam inquietas haha)

Sobre o enquadramento, não é preciso se preocupar com isso no momento da foto. Basta garantir que uma área maior está saindo na foto e depois o corte será feito. A atenção deve ser para que a foto seja frontal.

foto bebê passaporte

Algumas das tentativas frustradas hahaha (com enquadramento mais aberto mesmo, para serem cortadas depois)

Uma dica legal para quem tem uma câmera que filma em uma qualidade bem boa é filmar o bebê e então escolher o frame exato que atenda aos requisitos. A qualidade da filmagem da minha câmera não é muito boa a ponto de render frames para impressão, mas se este for o seu caso, com certeza será beeemm mais fácil.

Preparando a foto

Depois de conseguir uma ou outra foto, ou com sorte, várias, é hora de prepará-la para impressão. Se você sabe usar programas de edição de imagem como o Photoshop, pode ajustar o enquadramento por lá mesmo e, se não sabe, pode fazer isso na internet. Existem vários sites que fazem isso gratuitamente e um que achei bem fácil de mexer foi o Passport Photo Online. Aí é só seguir o que ele manda. É bem fácil e intuitivo.

Falando do meu caso, preparei as fotos que consegui por aqui, mas fiquei insegura quanto ao fundo branco. Achei que por conta da luz ele ficou levemente puxando para o cinza e não totalmente branco. O que fiz para me garantir e evitar uma recusa da Polícia Federal foi ir até uma loja de fotos 5×7 e pedir ajuda. Enviei a minha foto para eles e eles trabalharam no arquivo para deixar o fundo bem branco – coisa que eu não sei fazer muito bem. Se você entende de edição de imagens, pode fazer isso sem problemas, desde que, é claro, a foto não fique com cara de manipulada e sim que foi tirada daquela maneira mesmo.

No dia do meu agendamento levei as duas fotos, a levemente cinza e a do fundo branco e eles escolheram a do fundo branco. Fiquei sem saber se a outra teria sido aceita se eu não tivesse dado a opção, mas a mulher que me atendeu disse que não aceitaria mesmo. Então, mais uma vez, é importante falar de novo que, pra evitar problema, o fundo branco deve ficar branco mesmo.

diferença fundo fotos passaporte

As fotos da esquerda são as que eu tirei, sem manipulação; as da direita são as que pedi ajuda, com o fundo totalmente branco. A diferença é bem sutil mesmo. As duas seriam aceitas, mas eu escolhi a sorrindo, que gostei mais <3

Bom, espero que as dicas tenham sido úteis, que você se divirta bastante e que consiga, além da foto do passaporte, ótimos momentos para lembrar e rir depois – como estou fazendo ao escrever este post.

Beijos e muitas viagens com o pequeno viajante!


 

Comentários

2 comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>