10 razões para você visitar Phuket quando for à Tailândia

10 razões para você visitar Phuket quando for à Tailândia

Se você procurar informações sobre viagens pela Tailândia na internet, encontrará muitos fóruns e sites com recomendações para deixar a famosa ilha de Phuket de fora do roteiro pelo Sudeste da Ásia. Um conselho que, se seguido, te impedirá de conhecer um dos lugares mais vibrantes e divertidos do país.

Antes de começar a listar as razões, vamos deixar claro que sim, sabemos que Phuket tem muito turismo sexual e a Tailândia tem várias outras ilhas mais tranquilas. Mas o que muita gente parece esquecer é que a maior ilha tailandesa não é só feita de noitadas e europeus safados procurando prostitutas, e por isso merece, sim, a sua visita. E aqui estão os motivos:

1ª) As praias maravilhosas de Phuket (e o pôr do sol deslumbrante de Patong Beach)

Por ser a maior ilha da Tailândia, Phuket tem mais de 15 praias relativamente próximas entre si e consideradas algumas das melhores do mundo, com areia fininha, água cristalina e temperatura excelente. E tem para todos os gostos: enquanto Patong Beach, no bairro mais turístico de Patong, é mais agitada, com infraestrutura de bares e esportes aquáticos; outras praias ainda se conservam bastante intocadas e tranquilas, como é o caso de Nai Thon, Kamala e Hat Karon. Agitadas ou não, as praias de Phuket merecem a visita. E não deixe de assistir o pôr do sol em Patong Beach, mundialmente famoso e definitivamente inesquecível.

Viajadora: Praia de Patong em Phuket na Tailândia

A agitada Patong beach (Foto: panoramio.com – Lady GooGoo La La)

Viajadora: Praia de Nai Thon em Phuket na Tailândia

Nai Thon beach (Foto: knowpucket.com)

Viajadora: Praia de Karon em Phuket na Tailândia

Karon beach (Foto: knowpucket.com)

Viajadora: Thais e Paula no Pôr do Sol em Patong em Phuket na Tailândia

Eu e Paula assistindo o entardecer em Patong Beach… logo antes de uma das tempestades mais incríveis que já vi!

Viajadora: Pôr do Sol em Patong em Phuket na Tailândia

Ah, as cores do céu de Patong! <3

Melhores opções de passeios para ilhas vizinhas

A Tailândia é meu país favorito e, por isso, sempre vou dizer que, quanto mais tempo para visitar ilha por ilha, melhor. Mas nem sempre temos esse tempo e é preciso otimizar o roteiro, e Phuket é excelente para isso. De lá você pode pegar vários passeios de um dia para ilhas vizinhas, como, por exemplo, as ilhas Phi Phi, para visitar Maya Beach, “A Praia” do filme com Leonardo DiCaprio; e Koh Ta-Pu, conhecida como James Bond Island, na lindíssima baía de Phang Nga, onde foi filmado “007 Contra o Homem da Pistola de Ouro”, entre outras ilhas imperdíveis.

(Neste post aqui, falamos sobre a ida para a Full Moon Party, em Koh Phangan, a partir de Phuket)

(E neste post aqui, separamos algumas dicas do que fazer em uma semana em Koh Phi Phi)

Viajadora: Maya Bay em Koh Phi Phi Phuket na Tailândia

Barcos ancorados em Maya Beach, “A Praia”

Viajadora: Maya Bay em Koh Phi Phi Phuket na Tailândia

“A Praia” está sempre cheia de barcos chegando e saindo

Viajadora: Thais na Maya Bay em Koh Phi Phi Phuket na Tailândia

Só porque tem sempre que ter uma foto cafona, né.

Viajadora: Pedra da James Bond Island, Koh Ta-Pu, baia de Phang Nga na Tailândia

Em Koh Ta-Pu, a pedra de James Bond… lindona!

3ª) Esportes aquáticos (e várias outras atividades ao ar livre)

As praias de Phuket são um paraíso para quem gosta de esportes aquáticos como kitesurfe, surfe e mergulho, estando, inclusive, entre os 10 principais destinos para mergulho no mundo, com águas mornas (média de 28 ºC), vida marinha abundante e excelente visibilidade. Mas as opções não se resumem a isso: em Phuket também é possível fazer atividades como escalada, golfe, cavalgada e bungee jump, entre outras atrações radicais que podem ser feitas através de agências em passeios de um dia.

Viajadora: Escalada nos arredores de Phuket

Escalada nos arredores de Phuket. Em algumas vias o pessoal vai sem corda e cai direto no mar. Tem coragem? :) (Foto: thaivisa.com)

4ª) Cachoeiras e florestas tropicais

Nem só com praia se alivia o calor em Phuket: longe da costa e muito menos conhecidas, estão florestas, piscinas naturais cristalinas e cachoeiras lindas que merecem a visita. Entre as mais famosas estão a cachoeira de Kathu e as de Ton Sai e Bang Pae, as duas últimas localizadas no Khao Phra Thaeo National Park, área de floresta tropical excelente para um dia de passeio com piquenique.

Viajadora: Trilha no Khao Phra Theaw National Park Phuket

Trilha no Khao Phra Theaw National Park. Muito verde! (Foto: thaivisa.com)

Viajadora: Cachoeira Kathu no Khao Phra Theaw National Park Phuket

A cachoeira Kathu (Foto: phuket.com)

5ª) O mercado de peixes (e todas as outras comidas)

Os mercados de frutos do mar são enlouquecedores em Phuket, com peixes, lagostas e camarões bem fresquinhos e preparados na hora por preços muito atraentes. Eu fiquei especialmente apaixonada pelo Banzaan Fresh Market, em Patong, onde peguei amizade com um dos barraqueiros e comi lá várias vezes, uma melhor do que a outra, pagando pouquíssimo e tomando cerveja tailandesa bem gelada para acompanhar. Existem vários mercados de peixes na ilha, sendo o mais turístico o de Patong, e o maior e mais popular o de Old Phuket Town. Neste site você lê mais, em inglês, sobre todos os mercados de comida em Phuket.

Viajadora: Mercado de Peixe de Patong Phuket Tailândia

Dono da melhor barraca do  Fish Market de Patong, em Phuket, Tailândia

Esse homem faz o peixe mais gostoso da Tailândia! A barraca dele fica no Banzaan Fresh Market e vale muito a visita!

O peixe mais gostoso de todos, em Patong, Phuket, Tailândia

Melhor.Peixe.Da Vida.Apenas.

Mas os fish markets não são a única atração gastronômica da ilha: é em Phuket que ficam alguns dos mais premiados e sofisticados restaurantes da Tailândia, se essa é a sua praia; e também uma grande variedade de restaurantes bons e baratos, que vão desde a comida tailandesa tradicional até pratos indianos, mexicanos e italianos. E isso sem falar na variedade de barraquinhas de comida de rua, a melhor forma de conhecer, de verdade, a comida de um lugar e, ainda por cima, gastar bem pouco.

Apetitosa comida de rua em Phuket, Tailândia_

Aaaaain, que delícia de comidas exóticas!! hahaha

6) Templos budistas, museus e outras atrações culturais

Com 29 templos budistas (boa parte deles com mais de 500 anos de idade) e uma grande variedade de museus, Phuket tem excelentes atrações culturais para quem quiser dar um tempo das praias. Os templos principais são Wat Chalong, considerado um lugar de cura, e o What Phra, também conhecido como Golden Buddha Temple, por abrigar uma estátua gigantesca de Buda, com uma história que fascina os visitantes.

Wat Chalong Temple

Wat Chalong Temple (Foto: patongtour.com)

Além dos templos, museus como o Thalang National Museum, sobre a história tailandesa, e o Phuket Seashell Museum, com fósseis de 380 milhões de ano, também merecem a visita. Já para quem gosta de natureza, o Phuket Butterfly Garden & Aquarium e suas centenas de espécies de borboletas tropicais voando livres sob um grande domo também merecem a visita.

7) Old Phuket Town

Antes de virar uma das principais regiões turísticas da Tailândia, a ilha de Phuket estava bem no meio da rota das especiarias entre a Índia e a China, atraindo árabes, indianos, malaios, chineses e portugueses interessados no rico comércio e possibilidades de trocas da região. Toda essa riqueza gerou uma área com uma arquitetura extremamente rica, que mescla influências portuguesas e chinesas, e ótima para um passeio pelas ruas observando todos os detalhes. Por ser a principal cidade da ilha de Phuket, Old Phuket Town também tem uma grande variedade de cafés, restaurantes e lojas que valem um dia de passeio.

Old Phuket Town

Foto: justgleam.com

8) Compras de todos os tipos

Por falar em Old Phuket Town, a principal cidade de Phuket é o melhor lugar para compras na ilha, desde artesanatos vendidos na rua e lembrancinhas no mercado local até itens sofisticados e marcas famosas no Grand Central Festival Shopping Complex. Outra excelente área para compras é Patong, que além de shoppings e lojas mais sofisticadas, tem mercados e diversas barraquinhas de rua vendendo artesanato local, roupas, artigos para casa e bijuterias por ótimos preços se você estiver disposto a barganhar com os vendedores (que já esperam por isso).

9) Exibições de Muay Thay

A Tailândia é muito famosa pelo Muay Thai, uma das lutas mais populares do mundo e um espetáculo de se assistir. E o melhor lugar para isso em Phuket City é o Saphan Hin Stadium, onde lutas e exibições com lutadores de diferentes lugares do mundo acontecem regularmente. Mas quem tiver preguiça de ir até lá pode assistir lutas na região turística de Patong Beach mesmo, onde carros com lutadores circulam pelas ruas anunciando os locais e horários das lutas.

Foto: phuketbucksparties.com

Foto: phuketbucksparties.com

10) Excelentes conexões de voos

Pela localização central de Phuket, o aeroporto da ilha recebe voos diretos de muitos lugares do mundo a ótimos preços, o que a torna um dos principais pontos de conexão para outros lugares da Ásia. Por isso não só é divertido visitar Phuket, como muito prático também.

E por último, uma razão extra: o aspecto mais controverso de Phuket…

A vida noturna (e o lado B da cultura tailandesa)

Tá, o povo gosta de reclamar que a noitada em Phuket, principalmente em Patong, tem muita prostituta e é agitada demais. Mas e daí, você vai deixar de curtir por causa disso? Phuket tem boates incríveis, com drinks baratos e gente bonita – mochileiros, principalmente- de todos os cantos do mundo, e é certo de você se divertir em algum lugar da noite de lá. Lembro bem de um bar que fui na noite de natal em Bangla Road, em Patong, onde uma banda local começou a fazer um rock pesado de qualidade, e um tailandês de menos de 1,60m cantou um cover do Metallica como se fosse um gigante  e deixou todo mundo do bar muito animado. Foi tão divertido! E daí que tinha uma ou outra prostituta em volta?

Acho importante conhecer o máximo possível de aspectos da cultura de um lugar quando a gente viaja. Ver a parte da noite, dos travestis (ladyboys), dos ping-pong shows e toda a loucura da Tailândia é uma parte muito legal da viagem e que se você evitar por puro preconceito, vai acabar perdendo boa parte da diversão. Então abra sua cabeça, pegue um bom drink e experimente a noite de Phuket com bom humor e descontração, é diversão na certa. E se quiser fugir um pouco da loucura de Patong e Karon, pode sempre ir para Phuket Town, onde as noitadas são mais tradicionais e frequentadas por tailandeses.

Bangla Road, Patong_

Olha a gente bem no meio da muvuca da Bangla Road

Tomando bons drinks na noite de Patong, em Phuket, Tailândia 3_

Drinks baratos, gente maluca, mulheres dançando em cima das mesas… assim é a noite muito esquisita (e divertida) de Patong


-> Confira opções de hospedagem em Phuket clicando aqui.


Mais posts sobre a Tailândia:

Onde ficar em Bangkok: Rambuttri Village Hotel

Quantos dias ficar e o que fazer em Bangkok

Songkran: a experiência de participar do festival da água na Tailândia

Songkran: como é celebrado o ano novo na Tailândia.

Planejando uma viagem pela Tailândia: dicas de roteiro, o que levar, aonde ir…

Full Moon Party em Koh Phangan: Reveillon inesquecível na Tailândia

Tailândia: O que fazer em uma semana em Koh Phi Phi

E mais sobre o Sudeste da Ásia, se for esticar: 

Mini-cruzeiro em Halong Bay, Vietnã: inclua em seu roteiro no Sudeste da Ásia

Kopi Luwak: experimentando o café mais caro do mundo em Bali

Indonésia: uma semana de alegria nas Gili Islands

Para ler: Histórias reais de fantasmas de Singapura

Livro de viagem (apesar do título): “Primeiro eles mataram meu pai” (sobre o Camboja)



Booking.com

Leia também:

Comentários

22 comments

  1. Pingback: Full Moon Party: Réveillon inesquecível na Tailândia | Viajadora

  2. Nathalia T.

    Adorei! Realmente deixei Phuket de lado quando fui a Tailândia pois muita gente fala mal de lá… troquei Phuket por Koh Samui. Não posso negar que amei a minha opção, mas agora fiquei com vontade de conhecer mais um pouco e incluir Phuket no meu roteiro. Quem sabe na próxima visita a Tailândia!

    Beijos

    1. Thaís Freitas
      Autor
      Thaís Freitas

      Pois é, Nathalia, você mandou bem escolhendo Koh Samui, mas Phuket tem que entrar no roteiro em uma próxima visita. A verdade é que a Tailândia é tão fantástica que a gente precisa de várias visitas pra conhecer todas as maravilhas de lá! :)

  3. Pingback: Uma semana em Koh Phi Phi, Tailândia: o que fazer | Viajadora

  4. Pingback: Playlist: As 10 músicas que mais me lembram viagens | Viajadora

    1. Thaís Freitas
      Autor
      Thaís Freitas

      Oi, Erika! Como tem muita coisa pra fazer na Tailândia e muitos lugares para ir, acho que entre 2 e 4 dias são suficientes para conhecer Phuket. Assim você não gasta dias demais do seu roteiro lá e mesmo assim consegue ver as principais atrações da região. 😉

  5. vanessa silva

    Olá Thais, vou para Tailandia em Julho e ficarei 10 dias Tem possibilidade de conhecer , Phuket, PhiPhi e Kohsamui? Se eu pegar hotel em Patong, para ir depois é longe? E bangkok?

  6. Rafael

    Ola a todos :’)

    Eu vou a tailandia na ultima semana de julho e a primeira de agosto, ja alguem foi nessa altura? O tempo sera muito mau?
    Obrigado

    1. Thaís Freitas
      Autor
      Thaís Freitas

      Oi, Rafael!

      Eu fui para a Tailândia em dezembro, janeiro e abril e peguei um tempo excelente, com calor, muito sol e quase nada de chuva. Esse período de julho e agosto é verão por lá e costuma ser chuvoso, mas não acho que chegue a atrapalhar o passeio. Eu fui para a Indonésia na época das monções e peguei chuva torrencial quase todo dia, mas não chegou a me atrapalhar de ir à praia nem de adorar a viagem, imagino que na Tailândia a situação seja parecida.

      Boa sorte e aproveite muito!

      Bjs

  7. Pingback: Ir ou não para Phuket, eis a questão! | Quero Viajar Mais

  8. Pingback: Planejando uma viagem pela Tailândia: dicas e mais dicas | Viajadora

  9. Pingback: 52 cervejas, 52 países - 22: Tailândia - Vividas Boas

  10. Raquel

    Olá!
    Vou para Phuket em Abril mas tenho dúvidas sobre em que zona da cidade ficar hospedada… Já percebi que Patong Beach é tudo menos paradísiaco!
    É melhor ficar em Patong e ir à outras praias ou ficar no centro de Phuket e quando quiser vou à praia? A minha intenção era visitar os templos e as outras ilhas…
    Obrigada!

    1. Thaís Freitas
      Autor
      Thaís Freitas

      Oi, Raquel!
      Não sei muito sobre as outras áreas de Phuket pra se hospedar, mas eu fiquei em Patong e gostei muito. É bem bagunçado, mas achei divertido ficar no meio da muvuca, e de lá é bem fácil de ir pra todos os outros lugares de taxi ou mesmo tuc-tuc. E a praia de Patong é bem legal também! :)
      Bjs

  11. Pingback: 52 cervejas, 52 países - 22: Tailândia | Vividas Boas

  12. Renato Reis

    Parabéns pelo Blog.
    Quero ir esse ano para Tailândia, pretendo ficar 2-3 meses, quero viajar tranquilamente, visitar as ilhas e ver os animais, não preciso de muito luxo, qual lugar você aconselha eu ficar?
    Moradia eu queria um lugar privado pra mim, ex: um quarto e banheiro só pra mim, é aconselhável eu alugar uma casa por mês? qual valor mais ou menos?
    meu inglês não é fluente mas consigo me virar.
    Eu gosto muito de baladas, festas e bebidas mas dessa vez quero curtir mais lugares bonitos e sim claro tomar umas geladas a noite.
    pode beber nas praias ou nas ilhas?
    Obrigado, por enquanto é isso.
    Abraço

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>